Actividades com os animais ao longo do ano

Para além dos animais de estimação, também designados como domésticos ou de companhia, há muitos outros animais que necessitam de cuidados humanos para poderem cumprir com a respectiva “função”: produzir alimentos, ajudar nas actividades agrícolas, etc. Aqui deixamos as tarefas que deve ter em conta para manter os animais nas devidas condições higiénico-sanitárias, por exemplo.

Janeiro

Abrigam-se as galinhas do frio e da humidade, mantendo-se o solo das capoeiras seco e limpo. Excitam-se-lhes a postura dando-lhes aveia e trigo sarraceno.

Vacinar o gado bovino, cavalar, ovino e caprino, além dos porcos contra as doenças rubras.

Fevereiro

Um suplemento de rações com farinha, amendoim, linhaça, etc., deverá ser fornecido às vacas leiteiras.

Vacinar os cães contra a raiva.

Março

Substituição gradual, nos estábulos, do tipo de alimentação de Inverno por verduras, que não devem ser dadas molhadas.

Abril

Especiais cuidados na higiene das vacas leiteiras; separar os vitelos das mães.

Vacinar os porcos contra o "mal rubro".

Maio

Castrar os bezerros, porcos e cordeiros.

Tosquiar as ovelhas.

Este é o melhor mês para a criação de coelhos.

Junho

Nada a registar, no que diz respeito ao tratamento dos animais.

Julho

Tosquiar os rebanhos laníferos.

Atenção à higiene nas pocilgas.

Agosto

Complementar a forragem com suplemento alimentar aos animais que são alimentados com a mesma.

Setembro

Nada a registar, no que diz respeito ao tratamento dos animais.

Outubro

Mês favorável para a cobrição das porcas.

Cuidar da alimentação das frangas de uma ano, que iniciam a postura, fornecendo-lhes rações abundantes e equilibradas.

Proceder à iluminação artificial da capoeira, e colocar camas de palha.

Caiar as paredes da capoeira com cal branca, a que se adicionam produtos insecticidas para ter boas condições de sanidade.

Fazer duas vezes por dia a recolha de ovos, que devem ser conservados em lugar fresco, mas nunca sobre palha.

Novembro

À base de feno, palha e grão, o gado bovino entra, em regime seco, devendo evitar-se uma brusca transição, a fim de fugir de perturbações digestivas.

Dezembro

Abrigar o gado do frio e da chuva.

Matança de porcos.

Manter a capoeira limpa, abrigada das correntes de ar e da humidade.

Proteger os bebedouros e provê-los de água morna nos dias mais frios.

Cuidar dos coelhos em lactação, fornecendo-lhe aveia e algumas verduras.

Efectuar a separação, consoante os sexos, dos láparos já desmamados.