Actividades agrícolas e outras em Maio

Depois da leitura deste artigo, vai ficar a conhecer as tarefas que, durante o mês de Maio, pode e deve realizar em diversos espaços e locais relacionados com a actividade agrícola, pecuária, jardinagem e outras, …

Na horta

Prosseguem as sementeiras periódicas (quinzenais) de feijão (para colher em vagem) e de ervilhas. Assim se consegue ter feijão-verde e ervilhas durante alguns meses.

Continua a sementeira de plantas e monda-se, sacha-se e rega-se os alfobres.

Regam-se as hortas de preferência à tardinha, para que a terra conserve por mais tempo a água absorvida e ser mais facilmente aproveitada pelas plantas.

No pomar

Prosseguir com os tratamentos preventivos e curativos contra as doenças e pragas das diversas fruteiras: pedrado das macieiras e pereiras, lepra dos pessegueiros, etc.

Plantar ainda fruteiras de espinho, cujo pegamento é agora mais rápido e garantido, desde que não falte a água.

Sachar sempre que as ervas daninhas o justifique.

No campo

Sacham-se os campos de milho e os batatais, assim como as sementeiras e plantações de girassol, feijão e soja. Iniciar a colheita da fava.

Semear: cânhamo, feijão, milho, pensos para o gado, trigos, etc.

Plantar: açafrão, arroz, batata, beterraba, couve-galega, melancia, melão, pimento e tomate.

Pulverizar batatais e tomates com caldas cúpricas, para evitar o aparecimento do míldio.

Defender os feijoais e os meloais contra o piolho.

Mondar e sachar trigo de Primavera.

No jardim

Enxofram-se as roseiras, por causa do oídio, e mondam-se os botões para obter flores mais perfeitas.

Combate-se o piolho das roseiras e doutras plantas de jardins, com insecticidas de contacto.

Neste mês expõe-se ao ar livre as plantas guardadas em estufas e abrigos e semeia-se os cravos que hão-de ser transplantados em Setembro.

Semeia-se ainda algumas plantas de jardins, como cinerárias, gotas de sangue, amarantos, begónias, canas floríferas, chagas, sóleos, couves frisadas, cravos, goivos, glicínias, gerânios, heliantos, malvaíscos e as demais semeadas nos meses anteriores.

Na vinha

Continuam os tratamentos contra o míldio e o oídio, devendo prestar-se a maior atenção a qualquer elevação de temperatura acompanhada de humidade, que pode provocar rápido desenvolvimento de fungos.

Na adega

Proceder à trasfega dos vinhos com depósito.

Manter as vasilhas atestadas para impedir que o vinho azede.

Determinar a acidez volátil dos vinhos, para verificar se há necessidade de qualquer correcção.

Com animais

Castrar os bezerros, porcos e cordeiros.

Tosquiar as ovelhas.

É o melhor mês para a criação de coelhos.