Feiras Medievais e recriações históricas – 2022

Feiras Medievais, recriações históricas e outras

Neste ”jardim à beira mar plantado” – reino independente desde 1143 até 1910 -, e ao longo de cada ano, realizam-se, de Norte a Sul, diversas iniciativas relacionadas com a História de Portugal: Mercados ou Feiras Medievais, Recriações Históricas, bem como outras iniciativas do género, nas quais se tenta recriar, o melhor possível, épocas, vivências, factos e/ou personagens históricas, e que importa conhecer melhor.

Em muitas dessas iniciativas também se tentam retratar as artes e ofícios das populações de cada tempo e lugar, a gastronomia e o modo de viver das respetivas populações, permitindo apreciar tradições recriadas, com maior ou menor precisão, de uma forma muito visual e atrativa.

Nesta página vamos colocar as informações que nos foi possível recolher sobre este assunto.

Outubro

– 1 e 2 – “Ceyceyra Medieval” – Feira Medieval de Asseiceira – Tomar

É uma iniciativa organizada pela Associação Cultural e Recreativa da Asseiceira em conjunto com o Rancho Folclórico “As Lavadeiras” de Asseiceira, com o apoio da Junta de Freguesia local e do Município de Tomar.

– 20 a 23 – Feira Medieval de Évora – Évora

Setembro

– 1 a 4 – Feira Medieval de Carnaxide – Lisboa

– 3 e 4 – Mercado Medieval de Cordinhã – Cantanhede

– 7 a 11 – Hospitalários no Caminho de Santiago – Leça do Balio

– 9 a 11 – VII Feira Quinhentista de Aldeia Galega – Montijo

Torneios de armas | Comeres e beberes | Tendas de mercadores | Falcoaria | Jogos tradicionais | Animação de rua

– 16 a 18 – Alvalade Medieval – Alvalade – Setúbal

Evento comemorativo da atribuição do Foral Manuelino atribuído a esta vila em 1510.

– 16 a 18 – Feira Medieval de lamas de Orelhão – Mirandela

– 17 e 18 – Vila Nova Medieval – Vila Nova de Outil, Cantanhede

– 23 a 25 – Feira Medieval de Marvila – Lisboa

– 23 a 25 – Feira Medieval de Palmela – Palmela

– 30 a 2 – Mercado Medieval de Azurara – Vila do Conde

Agosto

– 3 a 14 – Viagem Medieval em Terras de Santa Maria da Feira – Santa Maria da Feira | Primeira Dinastia

A fundação e consolidação do reino de Portugal durante a Primeira Dinastia – da Borgonha ou Afonsina – é o mote para a recriação de episódios históricos que vão marcar a 25ª edição da Viagem Medieval em Terra de Santa Maria, entre os dias 3 e 14 de agosto de 2022. Saber mais

– 12 a 15 – Aljubarrota Medieval – Aljubarrota

A data histórica, 14 de Agosto, que marca a vitória das tropas portuguesas comandadas por D. João I de Portugal e o seu condestável D. Nuno Álvares Pereira, sobre o exército castelhano de D. Juan I de Castela, que se deu no campo de S. Jorge, entre as localidades de Leiria e Alcobaça, é festejada na Vila de Aljubarrota com a realização da Feira Medieval. [ Sobre a Batalha de Aljubarrota ]

– 12 a 15 – Belmonte Medieval – Belmonte

“Viveram-se tempos dramáticos, vidas foram dizimadas, houve fome, os campos não foram cultivados, houve revoltas… Mas depois da peste, o alcaide de Belmonte decreta 4 dias de festa. Haja danças, trovadores, teatro de improviso, comédia, artes circenses, vivências medievais, momentos de folgança e de alegria.

O senhor destas Terras de Belmonte decreta 4 dias de feira franca. Venham artesãos, mercadores e regatões de outras Terras.

Houve coragem das nossas gentes para enfrentar o medo, as incertezas, mas que a luz vença as trevas. Senhores destas terras e d’outras que aqui estejam como mercadores ou artífices, sejam bem-vindos!” Fonte e mais informações

– 12 a 21 – Feira Medieval de Silves – Silves

– 13 a 15 – Vilela Medieval – Paredes

– 18 a 21 – Festa da História – Vila Nova de Cerveira

– 19 a 21 – Festa dos Povos – Chaves

– 24 a 28 – Dias Medievais de Castro Marim

Julho

– 1 a 3 – Feira Medieval de Penedono – Penedono

“A Feira Medieval de Penedono é conhecida por ser uma verdadeira viagem ao passado, onde tudo é pensado ao pormenor. A vila veste-se a rigor, o centro histórico é invadido por nobres, monges, cavaleiros, mercadores, jograis e muitas outras personagens medievais. As ruas e as tabernas enchem-se de visitantes que vêm da região, mas não só.”

– 1 a 3 – Terras Templárias – Castelo Branco

Como pontos altos do certame está o conjunto de espetáculos móveis e fixos que durante três dias animarão o castelo e a sua zona envolvente. O tema: “No Alvor dos Tempos”, que retrata a chegada do mestre Pedro Alvito ao castelo, que ocorrerá na noite de sexta-feira e que é apresentado pelos grupos Tramédia e Outrem; o espetáculo de fogo nas três noites; e o assalto ao castelo, nas noites de sábado e domingo, onde será feita uma contextualização histórica num espetáculo que tradicionalmente é muito acarinhado pelos visitantes do certame”.

– 1 a 3 – Feira Medieval do Beato – Lisboa

– 3 – Feira Medieval de Abiul – Pombal

– 7 a 10 – Festival Medieval – Elvas

– 7 a 10 – Festa Templária – Tomar

– 7 a 10 – Feira Medieval de Pêro Pinheiro – Sintra

– 8 a 10 – Feira Medieval de Benfica – Lisboa

– 8 a 10 – Feira medieval de Castelo Rodrigo – Castelo Rodrigo

– 8 a 10 – Feira Medieval do Mindelo – Vila do Conde

– 12 – As lides de Gaia – Grijó – Vila Nova de Gaia

– 14 a 17 – Feira Medieval – Paços de Ferreira

– 15 e 16 – Feira à Moda Antiga de S. Pedro de Rates – Póvoa de Varzim

– 15 a 17 – Feira Medieval da Alameda – Lisboa

– 15 a 17 – Jornadas Medievais do Douro – Canelas – Régua

– 16 e 17 – Mercado Galaico-Romano – Castro da Curalha – Chaves

Durante dois dias, recriando o seu passado, a freguesia de Curalha voltará a ser uma povoação galaica, onde se vão desenvolver uma série de atividades lúdicas, gastronómicas e culturais, que irá transportar, no tempo, os visitantes até à Idade do Ferro (1200 a 600 anos AC).

Todo o recinto da Festa, fronteiro ao Castro de Curalha, vai estar impregnado com o espírito festivo da Folgança Galaica.

Durante os dois dias do evento será possível ouvir música, assistir a cortejos e a animações teatrais, ver demonstrações e recriações históricas, mercar no mercado galaico e degustar belos pitéus.

– 20 a 24 – Feira Medieval de Caminha – Caminha

Estávamos em 1291 quando Caminha assistiu à sua primeira feira. Passados mais de setecentos anos, a Feira Medieval de Caminha recria com rigor os mercados da época e, acima de tudo, o ajuntamento de pessoas.

Contam-se aos milhares os visitantes, que vêm participar de forma ativa na magia da máquina do tempo. A boa gastronomia, a música, tudo é passível de presenciar.

Da realeza à taverna medieval, ninguém falta à Feira Medieval de Caminha, com o tema “Caminho de Santiago”, uma forma da Câmara Municipal continuar a promover os Caminhos de Santiago e de celebrar o Ano Santo Jacobeu que foi prorrogado para 2022.

– 21 a 24 – Leiria Medieval – Leiria

Do Castelo ao Jardim da Vala Real, do Rossio ao Moinho do Papel, o Leiria Medieval está de volta, com o tema “As Cortes de 1438”, que se propõe recriar a realização das Cortes na Vila de Leiria, convocadas por D. Duarte.

Nesta grande recriação histórica, não faltará animação deambulante, numa programação em que se destacam novidades, como as Justas medievais (torneio a cavalo) no Jardim da Vala Real e as Conversas sobre a Idade Média.

– 21 a 24 – Feira Medieval – Esposende

– 21 a 31 – Mercado Medieval de Óbidos – Óbidos

Festas, Romarias e Peregrinações” – Uma experiência na Idade Média entre as devoções e festejos das gentes, pelos caminhos da redenção ou do pecado.

– 22 a 24 – Feira Celta do Paço – Peniche

– 22 a 24 – Feira Celta do Paço – Peniche

Entre 22 e 24 de julho tem lugar a Feira Celta/Lusitana – interpretação histórica do “Povoado do Paço” (sítio arqueológico).

– 29 a 31 – II Feira Medieval Terras do Teixo – Covilhã

O evento é promovido pela Comissão Social e Cultural da Freguesia de Teixoso e Sarzedo e tem a colaboração do Associativismo do Teixoso.

O programa integra um mercado medieval, animação, teatro de rua, tendas, tabernas, ceias medievais, malabaristas, mágicos e espetáculos de fogo.

– 29 a 3 – IV Feira Medieval de Alvor

Animação Medieval, Mercadores, Música Medieval, Tavernas!

– 29 a 31 – Montalegre Templária

Iniciativa que promete reavivar a história do concelho com várias atividades que gravitam em torno do majestoso castelo de Montalegre.

Vão ser três dias com múltiplas atrações: Música, Dança, Teatro, Cortejos e espetáculos de fogo.

Acampamento Militar, Acampamento do Povo, Cavaleiros, Homens de armas, Torneios, Animação itinerante, Jogos Medievais e Passeios a Cavalo.

Junho

– 23 a 26 – Feira Afonsina – Guimarães

– 24 a 25 – Feira Medieval de Belver

– 24 a 26 – Feira Medieval de Carvalhal – Bombarral

– 24 a 26 – Bodas Reais – Trancoso

– 26 – I Feira Medieval – Malta – Vila do Conde

Largo de Santa Apolónia em Malta

Cortejo Medieval | Recreações Medievais | Danças e músicas Medievais | Mercado Medieval com Artesanato e Tasquinhas | Animação de Rua | Almoço Medieval | Parque infantil Medieval

Imagem