Fim-de-semana gastronómico da Lampreia

Nos próximos dias 18 e 19 de Abril de 2020, vai realizar-se, em Ponte de Lima, mais um Fim-de-semana gastronómico da Lampreia, durante o qual vai ser possível apreciar a lampreia cozinhada de diversas maneiras, nos restaurantes aderentes. Haverá, ainda, música e animação de rua!

A Lampreia do Rio Lima é muito apreciada pelos moradores, visitantes e turistas. Contam-nos os registos históricos que “nos tempos de Inverno, outrora afincadamente no jejum da Quaresma, sustento de famílias e tradição à mesa, é um recurso pesqueiro multisecular no Alto Minho”.

Disponível desde o início de cada ano até ao final da primavera, este apreciado petisco pode ser cozinhado de diversas formas, com destaque para o Arroz de Lampreia e para a Lampreia à Bordalesa.

Confecionada na sua forma tradicional, a lampreia consta dos cardápios dos restaurantes do concelho, reavivando gostos e aromas de uma receita tipicamente portuguesa, pelo que não deve perder a oportunidade única de apreciar no local de origem – Ponte de Lima [Minho].

“Em Época Baixa, Ponte de Lima em Alta”

Integrado no projeto “Em Época Baixa, Ponte de Lima em Alta”, no Fim-de-semana Gastronómico da Lampreia, haverá um leque de restaurantes do concelho que irão proporcionar aos visitantes momentos únicos e inolvidáveis, através desta iguaria.

Promover uma maior atratividade e visibilidade para o concelho e para a região é a principal missão do “Em Época Baixa, Ponte de Lima em Alta” que mantém a aposta no turismo gastronómico em “Época Baixa” projeto que o Município de Ponte de Lima dinamiza até maio.

Com este fim-de-semana gastronómico procura-se promover o consumo de uma iguaria gastronómica nas variadíssimas formas de se se degustar, cativando também a visitar a nossa região. Fonte

Cartaz de divulgação do Fim-de-semana gastronómico da lampreia em Ponte de Lima - 18 e 19 de Abril de 2020

A Lampreia…

Lampreia é o nome comum dado a diversas espécies de peixes ciclóstomos de água doce ou anádromos, com forma de enguias, mas sem maxilas, pertencentes à família Petromyzontidae da ordem dos Petromyzontiformes.

Nestes peixes, a boca está transformada numa ventosa circular, com o diâmetro do corpo, reforçada por um anel de cartilagem e armada com uma língua-raspadora igualmente cartilaginosa. Várias espécies de lampreia são consumidas como alimento.” Fonte