Termos culinários e sugestões úteis na cozinha

Mais pode ser menos

Já pensou que pode sair-lhe bem mais barato comprar um peixe inteiro do que somente algumas postas? É que o quilo de alguns peixes à posta é, por norma, mais caro do que vendidos inteiros. Mande cortá-lo ao seu gosto, congele-o e utilize-o consoante as suas necessidades.

Mantenha o pão fresco

Se quer manter o pão fresco por um período de dois dias, guarde-o no frigorífico envolvido, primeiro em papel pardo e, de seguida, em folha de alumínio. Outra sugestão: os restos de pão duro podem ser aproveitados para fazer pão ralado para usar em panados. Basta torrá-los e ralá-los em seguida na picadora, por exemplo.

Medidas escorregadias

Passe as medidas de líquidos e as colheres por uma leve camada de óleo se as vai utilizar para calcular quantidades de mel ou de xarope. Desta forma, os ingredientes a medir escorrerão muito mais facilmente.

Novo rolo da massa

Não tem um rolo para estender massas? Facilmente arranja um. Basta usar uma garrafa grande, lisa, sem rótulo e bem limpa. Polvilhe-a com farinha antes de começar a trabalhar, já sabe.

Sobre os OVOS…

Estão crus ou cozidos?

Se não tem a certeza se um ovo está cru ou cozido, basta proceder da seguinte forma: faça o ovo girar sobre uma superfície plana. Se rodar lentamente e oscilar um pouco, está cru; se girar rapidamente, está cozido. Não há forma de se enganar.

Tempos de cozedura

Mal cozido (gema ligeiramente líquida e macia) – 4 min | Médio (gema mole e macia) – 6 min | Bem cozido (gema firme) – 10 min

Escalfar ovos na perfeição

Os ovos escalfados nunca lhe saem bem? Isso é passado, se seguir a sugestão do famoso chef Jamie Olivier: pressione duas folhas de película aderente sobre uma taça pequena para fazer uma cavidade. Unte a cavidade com azeite e coloque o ovo lá dentro.

Feche a película com um nó, formando um pequeno saco e mergulhe-o em água a ferver. Quando a clara ficar branca, retire a película da água, abra-a e retire de dentro um ovo escalfado na perfeição!

Cortar ovos

Para cortar ovos cozidos em fatias perfeitas, mergulhe a faca em água antes de iniciar a tarefa. Assim, a gema não se agarrará à lâmina e, por isso, não ficará desfeita.

Puré de batata

Ao fazer puré de batata, depois de escorrer as batatas, coloque-as de novo na panela ainda quente onde as cozeu, tape-a e deixe-as nesse calor por 5 minutos. Isso permitirá que as batatas sequem um pouco, adquiram uma textura bonita e absorvam mais facilmente a manteiga e o leite que lhes irá acrescentar de seguida.

Raspas de chocolate

Se quiser fazer raspas de chocolate, use um descascador de vegetais. Com este aparelho vai conseguir raspas largas e firmes. Mas atenção: o chocolate não pode estar nem muito macio nem muito duro, para que o resultado seja perfeito.

Reaquecer pizas

Sabe qual é a melhor maneira de reaquecer as pizas que sobraram da refeição anterior? É simples: coloque as fatias no micro-ondas e ponha um copo com água ao lado. A humidade que se forma no interior do forno vai impedir que a massa seque demasiado e vai ajudar a manter também a sua crocância.

Remover sementes

Para remover facilmente as sementes de vegetais e fruta, como abóbora e melão, por exemplo, use uma colher de fazer bolas de gelado. Corte o vegetal ou fruto em fatias e passe a colher pela face interna das mesmas, arrastando as sementes nesse processo. Fácil e rápido.

Rolhas de cortiça

Guarde as rolhas de cortiça das garrafas de vinho, pois poderão ser-lhe úteis de várias formas. Fique com dois exemplos: cortadas ao meio e colocadas no cesto da fruta afastam os mosquitos e mantêm peras, maçãs e outros frutos em bom estado por mais tempo. Junte-as à cozedura do polvo e das lulas, e estes ficarão mais macios.

Sal sempre seco

Os saleiros com sal fino tendem a ganhar humidade, o que dificulta a saída do sol. Para evitar que isso aconteça, coloque dentro do recipiente alguns bagos de arroz previamente secos ao sol. Este cereal encarregar-se-á de absorver a humidade presente no sal.

Sardinhas assadas ao sal

Se não tem como assar sardinhas na brasa em casa, uma boa alternativa é prepará-las ao sal. Basta forrar o fundo de um tabuleiro com uma camada de sal grosso, colocar por cima as sardinhas, alinhadas como numa grelha, e depois tapá-las com mais sal grosso.

Leve o tabuleiro ao forno pré-aquecido a 200ºC por cerca de 10 minutos, retire-o, descarte a camada superior de sal e delicie-se com as suas suculentas sardinhas assadas!

Vinagre a mais

Se, por descuido, avinagrou demasiado a sua salada, adicione-lhe uma bola grande de miolo de pão e volte a mexer os ingredientes com cuidado. Desta forma, o pão absorverá o excesso de vinagre.

Mais truques e sugestões

Fonte: recolha efetuada em diversos espaços