Importadores de Vinho visitam a Região do Douro

 

No âmbito da iniciativa In Douro Wine Export Business, a NERVIR traz à região do Douro 25 importadores de vinhos, oriundos de 13 países.

Entre os próximos dias 17 a 19 de outubro próximo, vai decorrer na Quinta do Paço Hotel – Vila Real, o evento In Douro Wine Export Business, que se realiza desde 2006, e que tem como objetivo principal proporcionar encontros de negócios entre produtores de vinho Douro Doc e Porto e importadores de diversos países.

Esta iniciativa é a única mostra de vinhos exclusivamente profissional, direcionada para a exportação, que se realiza na região, este ano integrado no projeto de internacionalização SOUL WINES!

Soul Wines – Vinhos com Alma: vinhos com rosto, vinhos com história, vinhos com paixão, conquistados à montanha de xisto, arrancados a um clima agreste, por gerações de homens e mulheres, que ao longo dos tempos, souberam extrair da terra, verdadeiros néctares; são estes os artífices, que trabalhando de sol a sol, da cepa ao cálice, apresentam vinhos do Douro e Porto de excelência, Vinhos com Alma!

Vão estar na região 25 importadores de vinho, provenientes da Alemanha (2), Canadá (1), Coreia do Sul (1), Dinamarca (1), Estados Unidos (3), Holanda (3), Irlanda (1), Japão (3), Letónia (2), Lituânia (2), Polónia (2), Rep Checa (1), Rússia (3).

Desde o início deste evento, já participaram no mesmo um total de 265 importadores, provenientes de 26 países e de 3 continentes.

Esta iniciativa decorrerá em Vila Real. Num primeiro momento, e sendo um evento profissional, haverá um speed meeting (encontro rápido, com tempo definido, sem provas) em que todos os produtores podem apresentar a sua empresa a todos os importadores, a que se seguirão encontros e provas de vinhos.

O In Douro Wine Export Business tem início pelas 17h30 do dia 17 de Outubro, na Quinta do Paço Hotel em Vila Real, com um speed meeting, e em que cada Importador vai contactar com cada Produtor num encontro rápido e cronometrado;

No dia 18 de outubro, tem início pela 10h00, com provas de vinhos e encontros de negócios, e encerra pelas 20h00. No dia 19 tem início às 09h00, e encerra pelas 12H00.

[themoneytizer id=”18933-19″]

 

Sobre a NERVIR

“A NERVIR caracteriza-se como uma Associação multi sectorial, de base regional. Por esse facto, representa empresas e empresários de todos os sectores de actividade, localizados no distrito de Vila Real ou cujas actividades possam, de alguma forma, estar com ele relacionadas.

Dos seus objectivos constam: Apoio aos seus associados e à classe empresarial em geral, através da prestação de serviços de vária índole; Contribuir para o desenvolvimento do distrito de Vila Real, quer pela dinamização e fortalecimento da sua estrutura empresarial, quer pela promoção do diálogo e desenvolvimento de acções de colaboração com as restantes forças vivas. A intervenção junto de organismos públicos, visando a defesa dos interesses da região, é outra das formas encontradas de consubstanciação deste objectivo.” Fonte

Sobre o Quinta do Paço Hotel

“O Quinta do Paço Hotel surgiu em 1998, com a designação de Estalagem Quinta do Paço. Este empreendimento teve origem numa Quinta com casa senhorial do séc. XVIII, que após reconstrução e ampliação permitiu criar um espaço único e singular na região.

Sem grandes formalismos e muito próximo do que nos é familiar, encontra-se neste espaço uma junção harmoniosa entre o tradicional e o moderno, o rústico e o urbano, a tranquilidade e a animação.

A envolvente do hotel é composta por um magnífico jardim, de onde se deslumbra no horizonte a cidade que o acolhe, a cidade de Vila Real.

Percorrendo a Quinta, para além de um tradicional espigueiro, pequenos lagos, fontes e recantos de leitura, encontra-se, também, árvores de fruto, o vale de nogueiras, o olival e a horta.

Uma piscina exterior proporciona, em pleno Verão escaldante, uma óptima opção de descontracção, sendo as magníficas lareiras tradicionais, com toda a certeza, o local da Quinta mais procurado quando a neve decide fazer uma visita.

A Quinta dispõe de capela privativa. De grande simplicidade arquitectónica, o seu interior foi restaurado em 1998, aquando a adaptação da Quinta em Hotel.” Fonte

[themoneytizer id=”18933-16″]