Seminário sobre Florestas e Incêndios

Seminário

Gestão da Floresta e Combate aos Incêndios

18 de novembro 2017 | Salão Nobre dos Bombeiros Voluntários da Cruz Verde

Largo dos Bombeiros Voluntários – 5000-640 Vila Real

Programa

09h30 – Receção dos convidados

10h00 – Sessão de Abertura

Eng. Trindade Moreira – Presidente da Direção da AHBVVR – Cruz Verde

Prof. Fontainhas Fernandes – Reitor da UTAD

Eng. Rui Santos – Presidente da Câmara Municipal de Vila Real

Dr. João Miguel de Freitas – Secretário de Estado das Florestas (a confirmar)

Painel 1

“A PREVENÇÃO COMO FERRAMENTA DO COMBATE”

Moderador – Eng. Rogério Rodrigues – Presidente do ICNF

10h15 – O ensino ao serviço das populações – Prof. Domingos Lopes – UTAD

10h30 – Incêndios: certezas e incógnitas da ciência – Prof. Emérito Hermínio Botelho – UTAD

11h00 – Pausa para o café

11h15 – Mação: um caso de estudo de prevenção – Eng. António Louro – Presidente do Fórum Florestal

11h45 – Debate com o público

12h15 – Síntese e Conclusões – Prof. Maria Emília Silva – UTAD

12h30 – Almoço livre

Painel 2

“O COMBATE AOS INCÊNDIOS”

Moderador – Dr. Rui Rama da Silva – Diretor do Jornal “Bombeiros de Portugal”

14h30 – Combate aos Incêndios Florestais: reflexão sobre o modelo – Dr. Duarte Caldeira – Presidente do CEIPC

15h00 – A investigação das causas e as causas da investigação – Eng. António Carvalho – Coordenador de Investigação Criminal Aposentado da PJ – Secção de Incêndios.

15h30 – Debate com o público

16h00 – Síntese e Conclusões – Cmdt Jaime Marta Soares

16h15- Encerramento

Secretário de Estado da Administração Interna (a confirmar)

 

Para proteger a Floresta e prevenir incêndios… 

» Não colha ou estrague plantas numa floresta ou em qualquer espaço verde, principalmente Azevinho pois é uma espécie protegida.

» Se for a conduzir ou como ocupante não atire fósforos nem pontas de cigarro pelas janelas.

» Se entrar numa floresta não fume.

» Não faça fogueiras na floresta nem na sua proximidade. Existem locais apropriados para esse efeito.

» Ao terminar o seu piquenique não abandone os lixos, recolha-o e deposite-o nos locais e contentores próprios. Deixe a floresta como a encontrou. Não se esqueça que ela é de todos!

» Para a realização de uma queimada (uso do fogo em espaços rurais para renovação de pastagens), em qualquer mês, tem que pedir autorização prévia às entidades competentes (A realização de queimada ou fogueira só é permitida após licenciamento na respectiva Câmara Municipal, ou Junta de Freguesia, de a esta fou delgada esta competência, na presença de técnico credenciado em fogo controlado ou, na sua ausência, de equipa de bombeiros ou equipa de sapadores florestais).

» Se detectar um incêndio, não hesite em telefonar para a Linha de Alerta de Incêndio – 117 – de forma a avisar as entidades competentes. O seu aviso poderá ser fundamental para que acorram atempadamente ao local do fogo.

» Participe activamente na vigia e protecção das florestas. Existem várias iniciativas nesse sentido a nível nacional, como o projecto “De Olhos na Floresta” que a Associação Quercus promove. Este projecto pretende constituir uma rede de cidadãos, a nível nacional, que estejam atentos às situações de risco de incêndio na floresta e informem as entidades responsáveis pela prevenção e combate.

» Participe em campanhas de requalificação das florestas através, nomeadamente, da plantação de árvores. Informe-se acerca destas campanhas junto de entidades especializadas.

 

Fonte do texto (adaptado)

Se quiser receber no seu email os novos artigos publicados, subscreva a nossa Newsletter!

Mantemos os seus dados privados e nunca os partilharemos com terceiros.
Leia a nossa Política de privacidade.