Efemérides para lembrar durante o mês de Maio

No mês de Maio,

sugerimos estas efemérides para lembrar ou mesmo celebrar, se for o caso disso:

Entre o dia 1 e o dia 10

Dia 1 (1991) – Em Bicesse, no Estoril, o Governo de Angola (MPLA) e a UNITA rubricam quatro documentos relativos ao cessar-fogo, que se tornará efectivo a partir de 15 de Maio.

Dia 2 (1959) – A Organização Afro-Asiática para a Cooperação Económica, reunida no Cairo, determina a exclusão da URSS.

Dia 3 (1911) – Em Portugal é criada a Guarda Nacional Republicana.

Dia 4 (1982) – O contratorpedeiro Sheffield, um dos mais modernos da esquadra britânica, é atingido por um míssil Exocet AM 39, perdendo vinte homens e afundando-se.

Dia 5 (1979) – Os conservadores vencem as eleições no Reino Unido, e Margaret Thatcher é a primeiro mulher a chefiar um governo britânico.

Dia 6 (1968) – Encerramento das faculdades de Paris leva à rua cinquenta mil estudantes e vinte mil polícias. Dos confrontos violentos resultam perto de mil feridos.

Dia 7 (1975) – Em França, o dia 8 de Maio deixa de ser comemorado como o dia da vitória sobre a Alemanha, passando a ser o Dia da Europa.

Dia 8 (1972) – Num golpe de audácia, um comando israelita apodera-se de um avião belga com noventa passageiros, que três assaltantes palestinianos tinham desviado e fora obrigado a aterrar em Telavive.

Dia 9 (1386) – É assinado o Tratado de Windsor, entre Portugal (D. João I) e a Inglaterra (Ricardo II), que dá origem à Aliança Luso-Britânica.

Dia 10 (1971) – O presidente norte-americano Richard Nixon anuncia a destruição de gases de combate bacteriológicos.

Entre o dia 11 e o dia 20

Dia 11 (1983) – No Chile, a população protesta contra o regime militar, reclamando que lhe sejam outorgadas as liberdades cívicas.

Dia 12 (1925) – Boicote das mercadorias inglesas na China após a polícia de Xangai ter disparado sobre estudantes em Cantão.

Dia 13 (1917) – Em Portugal ocorre a 1ª Aparição de Nossa Senhora em Fátima, a três pastorinhos, Lúcia, Francisco e Jacinta.

Dia 14 (1962) – Nova condenação de Milovan Djilas, antigo vice-presidente da Jugoslávia, por publicar o livro Conversas com Estaline.

Dia 15 (1955) – A Inglaterra, a França, os EUA e a URSS assinam o Tratado de Viena, restaurando a independência da Áustria.