A marca de Azambuja: Terra do Torricado

Azambuja – Terra do Torricado

O Município de Azambuja vai dar mais um passo, no âmbito do produto gastronomia e vinhos, na aposta clara na defesa e promoção da sua identidade e das potencialidades do seu território.

Vai fazê-lo através da apresentação da marca “Azambuja – Terra do Torricado”, cujo lançamento terá lugar no dia 04 de outubro, pelas 18h00, em Vale do Paraíso.

O objetivo geral é promover o Torricado e todas as manifestações culturais a ele associadas.

De modo a potenciar o mais possível essa divulgação, a iniciativa vai desenvolver uma sinergia com ações dinamizadas por Juntas de Freguesia e associações do concelho que tenham o mesmo fim.

Assim, e associado ao lançamento da marca, vai ser realizado um programa composto por três eventos que prometem todo um mês de saborosas experiências.

Festival do Torricado/Mostra Gastronómica “PARAISABOR”

Na freguesia de Vale do Paraíso, entre os dias 04 e 07 de outubro, o convite é para passar pelo Festival do Torricado/Mostra Gastronómica “PARAISABOR”.

Depois, no fim-de-semana 02 a 04 de novembro, será a vila de Azambuja a celebrar essa iguaria na “FESTA DO TORRICADO”.

Pelo meio, durante todo o mês do evento, de 04 de outubro e 04 de novembro, decorrerá o programa gastronómico municipal “A GULA”, nos diversos estabelecimentos aderentes à iniciativa.

Na edição 2018, “A GULA” conta com a adesão de 17 restaurantes, de norte a sul do concelho, que apresentam nas suas ementas pratos de Torricado. Para dinamizar um pouco mais este programa, será introduzida alguma animação musical aos fins-de-semana nos restaurantes aderentes.

Recorde-se que, no Concelho de Azambuja, no que à gastronomia diz respeito e, particularmente, ao nível do receituário local, o Torricado, a manja/marmanja e a lapardana assumem um papel de destaque.

Este património tem vindo a ser explorado pelo município em ações como a candidatura às “7 maravilhas à mesa”, sessões de showcooking e degustações em diversos eventos.

Também por outras entidades locais em iniciativas que recuperam estes pratos tradicionais e suscitam a curiosidade de um público cada vez maior.

Esse é outro dos objetivos do município, que os diversos atores locais, nomeadamente os restaurantes, se consciencializem desta fileira de oportunidade incluindo a sua oferta nas respetivas cartas e consolidando o esforço coletivo no desenvolvimento local.

Ávinho – Festa do Vinho

Já no que se refere ao vinho – indispensável a acompanhar um bom Torricado – o município desenvolveu, ao longo dos últimos anos, produtos que trabalham e valorizam a identidade vitivinícola local.