Os Foliões: comemorando o Natal com muita folia!

Os Foliões comemoram o Natal!

Os Foliões comemoram o Natal: o Reisado Folias de Natal prossegue animando as comunidades da Grande São Luís.

No próximo dia 16 de Dezembro, a partir das 16h, faz a festa no Anjo da Guarda, no Teatro do Itapicuraíba, com seu musical e auto natalinos, brincadeiras e distribuição de presentes.

Fez a sua estreia na temporada natalina 2017, nessa sexta-feira, dia 8, às 19h, na Praça Dom Pedro II, em frente ao Palácio dos Leões, centro histórico de São Luís. O evento faz parte da programação oficial de comemorações ao ciclo natalino da cidade do Estado do Maranhão.

A produção é do Bloco Os Foliões, e novamente conta com a presença mais do que especial do Pastoral Y-Bacanga, do Anjo da Guarda, sob a coordenação do grupo Amigos das Artes. A direção cabe ao experiente Ronildo Pereira, tendo produção de William Moraes Corrêa e do Mestre Waldete Cabeça Branca.

O espetáculo narra uma viagem…

O espetáculo narra a viagem dos Reis Magos e dos Pastores até Belém, onde nasceu o Menino Jesus.

Intercalando danças, músicas, encenações teatrais e versos de repentes, o elenco, formado pro 60 pessoas, convida ao povo para fazer parte dessa animada vagem, onde os mais diversos personagens vão sendo encontrados e vão se integrando ao festivo cortejo.

Após uma hora de muita caminhar, danças e cantar, o auto termina com um belo presente vivo.

No sábado, dia 09, o Reisado volta a se apresentar, desta vez no Parque do Itapiracó, também às 19h. Depois, percorre outras comunidades da capital maranhense. No dia 06 de janeiro, integra a queimação de palhinhas do Centro de Cultura Popular Domingos Vieira Filho, na Praia Grande.

O reisado foi encenado pela primeira vez em 1998, no Palacete Gentil Braga, na mostra Reisados e Outras Coisas, dirigida pelo Professor Euclides Moreira Neto e por William Moraes Corrêa.

No mesmo ano, foi apresentado em vários festivais na França e Bélgica. Nos anos seguintes, em outros eventos culturais pelo Brasil.

A origem do Reisado

A origem do Reisado data de longa data, uma vez que a Família Moraes Corrêa desde o século XX tem estreitos laços com as manifestações da cultura popular brasileira.

Herdando o gosto pela arte do povo, William Moraes Corrêa sempre foi aficionado pelas manifestações  alusivas a ciclo natalino, como folias de reis (reis), pastorais, pastoris, boi de reis, cheganças, marujadas, congadas, entre outras.

Em 1992, adquiriu o LP Água da Fonte, das Edições Paulinas, que reunia diversos cânticos de grupos dos mais diversos rincões brasileiros.

Junto a sua avó paterna Maria de Lourdes, deu de presente um exemplar ao seu tio Waldete Cabeça Branca e para José Pereira Godão, coordenador da Companhia Barrica.

Waldete Cabeça Branca um dos amos do Boi de Maracanã e cofundador do Bloco Os Foliões, irmão do saudoso Mestre Walmir Mnoraes Corrêa.

Alguns anos depois, veio a ideia de levar para as ruas a alegria das folias de reis. O elenco do Bloco Os Foliões foi o protagonista.

De lá para cá, o Reisado sempre se manteve presente nas ruas, palcos e igrejas do Maranhão e de outros centros, louvando a Jesus com muita alegria e irreverência, visitando casas e presépios.

As parcerias

Como parceiros dessa jornada, já contou com o

– Grupo Gamar, Companhia Asa Branca, Raízes de Portugal, Império de Lisboa, Chegança da Vila Embratel, Pastoral do Sesc, Baile de Caixas

– e, atualmente, o Grupo Amigos das Artes e o elenco teatral de São Pantaleão,

com quem monta a tradicional Via Sacra da comunidade de São José – São Pantaleão.

O projeto, hoje, traz a assinatura do ponto de cultura Bordados e Encantarias, Força e Tradição do Maranhão, dirigido pelo Bloco Os Foliões.

Obs.: Vale lembrar que o Reisado fará inclusões sociais, distribuindo flautas doces para crianças em comunidades da capital.

William Moraes Corrêa (98800-7821, 3302-6369, 3194-5468)

Pode ver imagens na página seguinte.