Em Valença já se come lampreia | Gastronomia

 

Não deixe para amanhã a delícia que pode comer hoje!

Até meados do mês de abril, a lampreia volta a ser rainha à mesa, em Valença, em 23 restaurantes. Aquela que é considerada melhor lampreia do mundo, apresenta-se com uma qualidade ímpar à mesa, como um prato de excelência desta temporada.

Consumir lampreia de diversas maneiras

A tradição apresenta a lampreia, em Valença, à bordalesa, em arroz de lampreia, recheada, assada no forno ou na brasa. Tantas formas para saborear, deliciar-se e encantar-se com os sabores únicos da lampreia do rio Minho.

A tradição da lampreia em Valença

Há séculos que a lampreia é um verdadeiro petisco em Valença, tem tradição, fama e serve-se à mesa como um manjar digno dos deuses no Olimpo.

Durante esta época do ano, saborear a lampreia, em Valença, é uma verdadeira romaria, no mínimo uma vez, pois assim manda a tradição. Os segredos da preparação, confeção e apresentação têm passado de geração para geração, num saber fazer único pelas mãos sábias das cozinheiras das aldeias que a restauração local recria.

Lampreia do Rio Minho

As primeiras lampreias da época já estão a sair nas redadas dos pescadores das comunidades de São Pedro da Torre e Cristelo Côvo e, segundo os mesmos, é de excelente qualidade.

A lampreia é um prato específico de época do ano, e é entre janeiro e abril que se apresenta na plenitude dos seus sabores.

Fonte do texto e da imagem de destaque

[themoneytizer id=”18933-19″]

 

 

Uma receita de lampreia

Ingredientes:

– 1 lampreia
– 2 folhas de louro
– 2 cebolas
– Azeite, q.b.
– 6 dentes de alhos
– 500 ml de vinho tinto
– 1/2 chouriço de carne
– 4,5 chávenas de águas
– 1,5 chávenas de arroz carolino
– salsa a gosto

Confeção

Escalde a lampreia, raspe a camada viscosa e passe por vinagre e água fria.

Abra-a, tire e tripa e reserve o sangue.

Corte a lampreia em pedaços.

Faça uma marinada com o vinho, o alho, o louro e o sal. De preferência deixe-a de um dia para o outro.

Junte a lampreia e a marinada a um refogado com chouriço. Cozinhe em lume brando, com salsa picada.

Retire a lampreia e deite o arroz com metade da água.

Em lume brando, vá juntando o resto da água aos poucos.

Antes do fim da cozedura do arroz, introduza de novo a lampreia em pedaços.

Deixe-a envolver e sirva.

Bom apetite!

 

[themoneytizer id=”18933-16″]